Diversificação de fontes geradoras da matriz elétrica brasileira: identificação e análise de trabalhos relacionados através de um estudo bibliométrico

Autores

DOI:

https://doi.org/10.19180/2177-4560.v16n12022p23-41

Palavras-chave:

Diversificação, Fontes geradoras, Matriz elétrica brasileira, Bibliometria

Resumo

O setor elétrico é fundamental para o desenvolvimento de um país, e por isso requer constante atenção e consequente planejamento. É quase impossível imaginar uma possibilidade de gerar crescimento econômico e melhora da qualidade de vida da sociedade, sem o fornecimento energético correspondente aos níveis de crescimento. Neste sentido os estudos científicos são primordiais para este setor, principalmente no que se refere a tomada de decisões. Desta maneira a presente pesquisa tem objetivo de sacar estudos de temas relacionados à diversificação de fontes geradoras da Matriz Elétrica Brasileira - MEB. Para tal foi realizado um estudo bibliométrico na base Scopus utilizando palavras-chave relacionadas ao tema, a fim de obter um conjunto de produções acadêmicas da área. Uma amostra de cento e nove estudos foi relacionada, apresentando cronologia das produções científicas, periódicos e autores maior número de publicações relacionadas e publicações mais citadas. Por fim mostrando que o tema tem carência de pesquisas.

Downloads

Os dados de download ainda não estão disponíveis.

Biografia do Autor

  • Donisete da Silva Pereira, Instituto Federal Fluminense
    Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Fluminense – RJ – Brasil.
  • Romeu e Silva Neto, Instituto Federal Fluminense
    Professor no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Fluminense – RJ – Brasil.

Referências

ANEEL – Agência Nacional de Energia Elétrica. BIG: Banco de Informações de Geração. Disponível em: <http://www.aneel.gov.br/>. Acesso em: 14/mar/2020.

ARAÚJO, R. F.; ALVARENGA, L. A bibliometria na pesquisa científica da pós-graduação brasileira de 1987 a 2007. Encontros Bibli: Revista Eletrônica de Biblioteconomia e Ciência da informação, Florianópolis, v. 16, n. 31, p. 51-70, 2011.

ASSAD, L. Matriz energética diversificada é opção mais segura para o país. Cienc. Cult. [online]. 2011, vol.63, n.2, p. 6-8. Disponível em: <http://cienciaecultura.bvs.br/scielo>. Acesso em: 22/mar/2020.

CHUEKE, G. V.; AMATUCCI, M. O que é bibliometria? Uma introdução ao Fórum. Internext, São Paulo, v. 10, n. 2, p. 1-5, 2015.

COSTA, T. et al. A Bibliometria e a Avaliação da Produção Científica: indicadores e ferramentas. In: CONGRESSO NACIONAL DE BIBLIOTECÁRIOS, ARQUIVISTAS E DOCUMENTALISTAS, 11., 2012, Lisboa. Anais [...]. Disponível em: https://www.bad.pt/publicacoes/index.php/congressosbad/article/view/429. Acesso em: 20/mar/2020.

ELSEVIER (Brasil). Guia de referência rápida: Scopus. 2015. Disponível em: https://www.periodicos.capes.gov.br/images/documents/Scopus_Guia%20de%20refer%C3%AAncia%20r%C3%A1pida_10.08.2016.pdf. Acesso em: 11/abr/2020.

ELSEVIER. Scopus. 2019. Disponível em: https://www.elsevier.com/__data/assets/pdf_file/0017/114533/Scopus_GlobalResearch_Factsheet2019_FINAL_WEB.pdf. Acesso em: 20/mar/2020.

GOLDEMBERG, J.; MOREIRA, J. R Política energética no Brasil. Revista Estudos Avançados, v. 19. n.55, 2005. Disponível em: <http://www.scielo.br/>. Acesso em: 15/mar/2020.

SILVA, E. L.; MENEZES, E. M. Metodologia da pesquisa e elaboração de dissertação. 4. ed. Florianópolis: UFSC, 2005. Disponível em: <https://projetos.inf.ufsc.br/arquivos/Metodologia_de_pesquisa_e_elaboracao_de_teses_e_dissertacoes_4ed.pdf> Acesso em: 10/mar/2020.

Downloads

Publicado

30-12-2022

Como Citar

Diversificação de fontes geradoras da matriz elétrica brasileira: identificação e análise de trabalhos relacionados através de um estudo bibliométrico. Boletim do Observatório Ambiental Alberto Ribeiro Lamego, [S. l.], v. 16, n. 1, p. 23–41, 2022. DOI: 10.19180/2177-4560.v16n12022p23-41. Disponível em: https://editoraessentia.iff.edu.br/index.php/boletim/article/view/15537.. Acesso em: 21 jul. 2024.